Blog

E a saúde da mulher? Muitas nunca foram ao médico para saber como anda o coração

Como está a saúde da mulher? A pergunta pode envolver uma série de aspectos, que vão desde as idas anuais ao ginecologista até a saúde psicológica.

No primeiro aspecto, o panorama não é tão ruim, segundo uma sondagem on-line feita pela Sociedade Brasileira de Clínica Médica. Cerca de 70% das mulheres sondadas vão anualmente ao ginecologista. As demais, a cada dois anos.

O palpite, no entanto, era que elas talvez não estivessem tão em dia com a saúde cardiovascular – o que, no fim das contas, parece ser o caso.

O índice de algumas doenças cardiovasculares na família, como a hipertensão, chega perto de 80%. Ao mesmo tempo, cerca de 30% nunca foi ao cardiologista ou ao clínico geral para saber sobre a saúde do coração.

Quase 40% não praticam atividade física (e, de quem faz, 45% faz só pratica uma ou duas vezes por semana) e cerca de metade não dorme nem 6 horas por dia. Isso em um ambiente onde o trabalho, a ansiedade diária e a família acabam trazendo grande estresse.

São questões que levaram a sociedade a criar a campanha Mulher Coração, para conscientizá-las a respeito da saúde cardiovascular. Segundo a SBCM, as doenças cardíacas atualmente são mais comuns do que os tumores de útero e mama, matando 23 mil mulheres todos os dias.