Blog

Farmacêutico, você está preparado?

Você está preparado para retirar as dúvidas se seus clientes? Diabetes, Hipertensão, Níveis de colesterol elevados, Depressão, Cansaço mental e físico, Dores musculares...e por aí vai. Os mais variados temas fazem parte da rotina de trabalho dos Farmacêuticos que trabalham com o atendimento aos clientes nas Drogarias e Farmácias.

Existem pontos importantes a serem observados e discutidos com calma em relação a este assunto:

Conhecimento, limite, ética e segurança das informações passadas:

Quando alguém lhe pergunta se um medicamento pode ou não ser ingerido com água, você consegue responder sem maiores dificuldades, certo? Se a reposta foi não, cuidado, você precisa realmente estudar mais sobre a sua rotina de trabalho, pois tenha certeza de que dúvidas muito mais cabeludas virão...

Onde mora o perigo? 

O Farmacêutico está na farmácia para orientar, e nunca de forma alguma, nem em SONHO, nem em PESADELO, realizar um diagnóstico. Para isso temos os colegas Médicos, que estudaram para isso.

Nós estudamos para orientar em relação aos perigos de um determinado medicamento, suas indicações, e correta maneira de uso. Para isso, devemos nos preparar frequentemente, visto que a cada dia que passa, o número de medicamentos novos aumenta. As informações passadas devem ser comprovadas cientificamente e tem o propósito de esclarecer e não de amedrontar os clientes.

Exemplo: Sra. Fulana o medicamento que irá começar a utilizar pode causar alucinações, dependência e hemorragia.

Já pensou?

No máximo a cliente não vai aderir ao tratamento e você vai adquirir um grande problema com o Médico, pois ele diagnosticou e prescreveu seguro de seu conhecimento. Portanto, tenha noção das informações que for passar e fale somente o necessário.

Exemplo: Se a cliente perguntar quais são as reações adversas de um determino medicamento, alerte somente sobre aquelas mais comuns e inofensivas, sempre com muito cuidado para que não haja risco de não aderência ao tratamento.

Desta forma: Sra. Fulana, os efeitos adversos podem ocorrer, ou não. Portanto, recomendo que utilize o seu medicamento após as refeições (se for um medicamento que possa agredir o estômago), com água para evitar qualquer problema com a absorção, e nos horários adequados. E lembre-se, a ingestão de bebidas alcoólicas e o uso concomitante de outros medicamentos por conta própria pode aumentar o risco de problemas ocasionados por medicamentos, sendo assim, faça o seu tratamento da maneira adequada e evite a automedicação, caso sinta que algo não está bem, poderá nos ligar, e caso seja algo que não possamos ajudar, ligaremos para o seu médico.

Simples, e seguro. O seu cliente sai satisfeito e com certeza entrará em contato para futuras possíveis dúvidas.

Tenha sempre como companheiros de trabalho a Ética, o Respeito e a Disposição em ter sempre o melhor resultado, assim, você passará de alguém que pega a caixinha na prateleira para o Farmacêutico de confiança, que tanto o cliente como o médico precisam. E estude muito, lembrando-se de que nunca será o suficiente para acreditar que é hora de parar de estudar!