Blog

ANVISA determina a inclusão de alerta no rótulo de medicamentos quando houver mudanças na fórmula

Os rótulos de medicamentos se mostram extremamente necessários no momento de adquirir um remédio. O motivo é que, dessa maneira, os rótulos de medicamentos deixam claramente explícito o que contém no produto, evitando acidentes, alergias e demais problemas ao consumidor.

No entanto, a ANVISA determinou a inclusão de alerta no rótulo de medicamentos. Esses alertas, na verdade, são voltados para o momento em que houver uma mudança na fórmula do remédio. Tudo isso colabora para maior esclarecimento da população.

A importância de ingerir o medicamento correto

Algo que é muito comum de se ver, são médicos perguntando se o paciente toma algum tipo de remédio, durante o momento em que é feita a anamnese. Essa pergunta geralmente é feita para saber se talvez o tratamento medicamentoso possa causar algum problema.

Tudo isso permite que o médico tenha uma noção muito mais clara do que está lidando. Dessa forma, torna-se também mais fácil aprofundar o assunto com o paciente e entender melhor tudo o que está acontecendo.

É importante ressaltar o fato de que os medicamentos não podem ser escolhidos de maneira aleatória. Justamente por isso muitos médicos questionam o paciente. É necessário saber exatamente o que ele procura e precisa.

Somente dessa maneira, de fato, será possível escolher o melhor remédio. Ainda assim, muitas vezes corre-se o risco de o indivíduo não se adaptar a ele e ser necessário realizar uma troca. A partir desse momento, inclusive, nota-se o quão importante é ter um tratamento correto e com o medicamento adequado.

Rótulos de medicamentos

A partir do momento em que a ANVISA decidiu por determinar a inclusão de alerta no rótulo de medicamentos assim que houver mudanças na fórmula, muitas pessoas puderam respirar aliviadas, pois uma das principais preocupações e algo de grande risco é justamente a fórmula diferente.

Isso porque, sem o devido aviso no rótulo, torna-se muito difícil para que o paciente saiba exatamente o que mudou e isso pode acarretar sérios problemas. Um exemplo clássico, são as alergias causadas pela mudança de fórmula, bem como ausência de efeito do medicamento por conta da diferença que está presente na mesma.

Em contrapartida, quando a mudança na fórmula está bem visível para que todos entendam o que mudou, o cliente pode optar por comprar ou não o medicamento e ingeri-lo. Logicamente, a partir do momento em que a alteração está descrita no rótulo, o paciente tem poder de decisão sobre o que quer ou não fazer. De qualquer forma, nisso tudo, algumas vantagens podem ser notadas, como:

●      Redução do risco de alergias;

●      Maior clareza e honestidade para o consumidor;

●      Informação para a grande massa;

●      Evita problemas de alta gravidade.

Conclusão

Sabe-se que a ANVISA é responsável por controlar e liderar a qualidade dos produtos farmacêuticos e demais características do ramo da saúde que envolvam tais assuntos. Por conta disso, essa decisão sobre os rótulos de medicamentos é algo muito benéfico e que tende a surtir ótimos resultados. Com isso, é possível oferecer tranquilidade para o consumidor, segurança e qualidade em tudo que consome.

Acesse o blog do Espaço Farmacêutico para maiores informações!
 

Fonte:

http://portal.anvisa.gov.br/noticias?p_p_id=101_INSTANCE_FXrpx9qY7FbU&p_p_col_id=column-2&p_p_col_pos=1&p_p_col_count=2&_101_INSTANCE_FXrpx9qY7FbU_groupId=219201&_101_INSTANCE_FXrpx9qY7FbU_urlTitle=rotu